Skip to content

Dólar abre a semana em leve alta

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

CÂMBIO NEWS – RESUMO DIÁRIO DE NOTICIAS SOBRE O MERCADO DE CÂMBIO – 05/07/2021

dólar opera em leve alta nesta segunda-feira (5), em dia de mercados fechados nos Estados Unidos, enquanto os temores sobre a disseminação global da variante Delta da Covid-19 e os ruídos políticos domésticos dominavam o radar dos investidores.

Às 9h49 a moeda norte-americana subia 0,16%, cotada a R$ 5,0616. Veja mais cotações.

Na sexta-feira, o dólar fechou em alta de 0,18%, a R$ 5,0537, acumulando alta de 2,35% na semana. No ano, a queda ainda é de 2,57% frente ao rel.

Fonte: TradingView

Fique pode dentro das principais notícias do mercado desta Segunda Feira

Investing.com – Depois de o Ibovespa fechar a sexta-feira em alta de 1,56%, aos 127.621 pontos, o Ibovespa Futuros abriu em baixa e caía 0,32% perto das 9h05 desta segunda-feira (5), enquanto o dólar subia 0,07%, a R$ 5,0609.

Em dia de mercados fechados nos Estados Unidos por feriado, os futuros do Dow Jones subiam 0,05%, enquanto S&P 500 e Nasdaq 100 caíam 0,04% e 0,1%, respectivamente.

O Brasil registrou no domingo 830 novas mortes em decorrência da Covid-19, o que eleva o total de vítimas fatais da doença no país a 524.417, informou o Ministério da Saúde. Também foram contabilizados, de acordo com a pasta, 27.783 novos casos de coronavírus, com o total de infecções no país avançando para 18.769.808.

De acordo com o Boletim Focus desta semana, os economistas consultados pelo Banco Central elevaram as estimativas para a inflação neste ano de 5,97% para 6,07%, na 13ª alta seguida. A estimativa fica acima da meta de 3,75% e rompe o teto do limite superior de 5,25%.

LEIA MAIS: FOCUS: Economistas elevam previsão da inflação para 6,07% em 2021

Em relação aos demais indicadores, os economistas elevaram as estimativas para a alta do PIB no fim do ano, com avanço projetado de 5,18% contra 5,05% na última semana. A taxa Selic é esperada em 6,5%, a mesma projeção da última semana. Em relação ao dólar, as apostas caíram para R$ 5,04, ante R$ 5,10 na semana passada.

No calendário econômico, ainda, serão divulgados o PMI Composto e o PMI de Serviços de junho, às 10h.

CALENDÁRIO ECONÔMICO: Confira os próximos eventos

Notícias do dia

BR do Mar – O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, confirmou a expectativa de que o projeto de incentivo à cabotagem tenha de voltar para votação na Câmara dos Deputados, em razão de alterações na proposta pelo Senado.

Ferrovias – Tarcísio de Freitas disse ainda que o governo avalia a possibilidade de editar uma medida provisória para destravar o novo regime de operação de ferrovias no Brasil.

Agenda do dia

Bolsonaro – Reuniões com André Mendonça, Advogado-Geral da União; Marcos Pontes, ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações; Gustavo Montezano, presidente do BNDES; Joaquim Alvaro Pereira Leite, ministro do Meio Ambiente; e Humberto Fernandes de Moura, subchefe adjunto executivo da subchefia para assuntos jurídicos da Secretaria-Geral da Presidência.

Paulo Guedes – Participação na 2ª reunião do Conselho de Saúde Suplementar e reuniões com Roberto Fendt, secretário especial do Comércio Exterior e Assuntos Internacionais; Onyx Lorenzoni, ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República; Afonso Bevilaqua, diretor do FMI; senador Mecias de Jesus; senadora Rose de Freitas e deputado federal Celso Sabino.

Campos Neto – Participação na reunião de encerramento da missão regular do Artigo IV do FMI; reunião com representantes do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central; e participação na Reunião de Ministros de Economia e Presidentes de Bancos Centrais do Mercosul e Países Associados, promovida pelo Mercosul.

Notícias corporativas

Tegma (SA:TGMA3) – A Tegma informou que contratou assessor jurídico e que vai escolher um banco para auxiliar a empresa a avaliar a proposta de aquisição apresentada pela JSL (SA:JSLG3).

Rappi e Visa – O aplicativo de entrega Rappi está lançando cartões de crédito para seus usuários no Brasil, em parceria com a Visa (NYSE:V) (SA:VISA34), expandindo seu portfólio de produtos financeiros.

Loft e CredPago – A startup de venda de apartamentos Loft anunciou fusão com a CredPago, líder em soluções de aluguel sem fiador no país.

Petrobras (SA:PETR4) – A plataforma de petróleo Carioca deixou o estaleiro Brasfels em Angra dos Reis em direção ao campo de Sépia, da Petrobras, no pré-sal da Bacia de Santos.

Banco BMG (SA:BMGB4) – O Banco BMG infromou a aquisição de participações na Araújo Fontes Consultoria e Negócios Imobiliários e na AF Invest Administração de Recursos por, aproximadamente, R$ 150 milhões, com o objetivo de ampliar a oferta de produtos e serviços no segmento de atacado e iniciar a área de gestão de recursos.

Vivo (SA:VIVT3) – A Telefônica Brasil informa a conclusão de acordos com a Caisse de dépôt et placement du Québec e com a Telefónica Infra para a construção, desenvolvimento e exploração de rede de fibra ótica neutra e independente de atacado no mercado brasileiro.

Grendene (SA:GRND3) – A Grendene fechou, com a 3G Radar Gestora de Recursos, uma joint venture no exterior com objetivo de distribuir e comercializar os produtos da Grendene em determinados mercados internacionais.

https://g1.globo.com/economia/noticia/2021/07/05/dolar.ghtml

https://br.investing.com/news/stock-market-news/abertura-de-mercado-o-que-esperar-para-bolsa-e-cambio-no-brasil-nesta-2afeira-888971

Siga nossas redes

Veja mais